Dons espirituais e profecia

Lição 3

010 a 117/01/2009


O Espírito Santo, Vigário, Representante e o “Verdadeiro” Papa da verdadeira igreja de Cristo na terra, é o Criador e Repartidor de todos os dons espirituais e talentos naturais que são concedidos à humanidade em geral, eu disse em geral, em se tratando de talentos naturais. Os dons naturais ou talentos, são concedidos a todo ser humano, quer seja ele crente em Deus ou não e, na grande maioria dos casos, estes talentos são concedidos ao ser humano, geneticamente e, naturalmente, desde a gestação, quando o beneficiado ainda não tinha opção de escolha, portanto, não devemos confundir dons espirituais de caráter sobre-naturais e especiais, que são reservados apenas para os crentes em Cristo que aceitaram-No como seu Único Salvador, Sacerdote, Sumo Sacerdote, Mediador e Soberano em suas vidas, tendo se arrependido e se convertido pela operação Deste Mesmo Espírito e, receberam, como presentes Deste, dons espirituais, especiais e sobre-naturais; o dom de falar línguas estrangeiras ( estranhas ), por exemplo, não pode ser confundido com o talento natural que algumas pessoas possuem, para o aprendizado de outros idiomas, porque até mesmo os piores descrentes e ateus blasfemadores, possuem estes talentos, eu diria que até mesmo alguém que já tenha cometido o pecado contra o Espírito Santo, pode possuir certos talentos naturais como o talento para ser um poliglota, daí a razão porque não se trata de um dom especial e sobre-natural de falar em outras línguas, e, a Bíblia diz que este dom, assim como os demais dons espirituais, acompanhariam os que crêem ( Mc. 16:17 ), se arrependeram ( At. 2:38 ) e se converteram ( At. 3:19 ), e, obedecem a Deus ( At. 5:32 ), portanto, quando afirmamos que o dom de línguas é equivalente ao talento natural do aprendizado de outros idiomas, não estamos falando aferidos com os ensinamentos genuíno do Evangelho, e, estamos incluindo todos os piores e incorrigíveis, não arrependidos e não convertidos e que rejeitaram voluntariamente o conhecimento do Evangelho e, que até mesmo já blasfemaram contra o Espírito Santo, entre os recebedores destes dons, isso teria que ser assim porque todos eles possuem talentos naturais para certos ministérios; o mesmo raciocínio é igualmente válido, também, para o talento de curar através de conhecimento científico da medicina, alopata ou natural, este é um talento natural para o aprendizado e o exercício da medicina e, não o dom sobre-natural da cura pelo poder direto de Deus; não estou querendo diminuir o devido valor do talento natural para o aprendizado de medicina e o seu maravilhoso e abençoado exercício que tanto tem feito pela humanidade, mas apenas esclarecendo e  “desmisturando” as bolas,”que, quase sempre são misturadas quando se ensina sobre os dons espirituais. Ninguém aprende na faculdade a curar um doente terminal de aids, câncer, lepra ou paralisia infantil em uma pessoa idade avançada, por exemplo, em apenas alguns segundos e com apenas algumas palavras de fé, pelo contrario, em sua grande maioria, o que se aprende nestas faculdades, é a descrença em Deus e Seus milagres. No Salmo 68:18, lemos que Deus dá os Seus dons até mesmo para os rebeldes, estes são os talentos naturais que estamos comentando neste comentário; os talentos naturais, infelizmente, podem ser usados para o mal, ao passo que os dons espirituais especiais são retirados dos seus possuidores quando estes apostatam dos caminhos do Evangelho e, isto, por si só, se constitui uma diferença fundamental entre estes dons e talentos.

O fruto do Espírito. O fruto do Espírito se reproduz no crente capacitando-o a produzir os frutos Deste Mesmo Espírito, por este motivo é que podemos, também denominar este fruto de frutos do Espírito e, não devemos, também, confundir estes frutos com dons espirituais e talentos; frutos do Espírito todos os crentes estão no dever de produzi-los e sem eles não herdaremos o reino celestial, porém dons e talentos, nem todos possuem todos eles, mas, mesmo sem eles, chegaremos ao reino de Deus; quanto aos frutos do Espírito ( Gl. 5:22 ), devem infalivelmente, serem produzidos por todos os salvos em Cristo. Na lista dos frutos do Espírito consta o dom da fé, este dom da fé, todos os crentes em Cristo precisam possuir, esta é a fé que sem ela é impossível agradar a Deus; é através desta fé que somos justificados e santificados, mas existe uma fé especial que em si mesma está classificada como fé especial para operar grandes milagres espetaculares como Jesus fazia e Seus apóstolos, esta sim, é um dom especial e sobre-natural do Espírito Santo que não se encontra em todos os crentes por mais santificados que estejam e não deve ser exigido de ninguém, como o é a fé como fruto do Espírito; esta fé especial está mencionada em I Cor. 13:2. Na verdade, tanto dons sobre-naturais como talentos naturais e frutos do Espírito, são dádivas divinas aos seres humanos, mas é preciso fazer as devidas diferenciações, devido as diferentes naturezas das operações do Espírito Santo.

O dom de profecia. Não se produz um profeta em estudo em nenhuma universidade deste mundo, mesmo que ela seja genuinamente cristã, não existe curso para se formar profetas, acho nem mesmo na Escola dos Profetas de Samuel no tempo do Velho Testamento, aquelas escolas eram dos profetas, ou seja, administrada por profetas, mas o dom de profecia, propriamente dito, era uma dádiva divina para aqueles que o Espírito de Deus achava por bem chamá-lo para este ministério; não existe talento natural para ser profeta, operador de cura miraculosos e o falar em outras línguas sem tê-las aprendido previamente, como já abordado neste comentário.

Os falsos profetas as vezes acertam? Ninguém conhece o futuro, somente Deus, mas existe muito de calculismo, ou seja, calculistas que com suas experiências de milhares de anos lidando com a humanidade, calculam os acontecimentos futuros a partir de uma base histórica; existe, também,.o providencialismo, ou seja, dizer o que vai acontecer e providenciar para que aquilo que foi dito, aconteça.

Uma profecia do verdadeiro profeta pode não acontecer? Note que existem profecias de caráter condicionais e incondicionais; a profecia de Jonas a respeito da Cidade de Nínive, foi um exemplo disso, era uma profecia de tempo específico e definido, mas as condições foram preenchidas e Nínive não subvertida conforme aquela predição do verdadeiro profeta. É preciso, portanto, está bem informado acerca destas especificações nesta matéria; o elemento básico para se estudar esta matéria e estes detalhes está em Jr. 18:7-10, é preciso, portanto, considerar estes aspectos quando estudamos escatologia profética bíblica. O elemento básico mais direto e importante para se identificar um profeta como verdadeiro ou falso é colocar os seus ensinamentos no crivo aferidor  dos profetas anteriores a ele e que escreveram no Cânon das Escrituras Sagradas e no que diz a Lei de Deus escrita por sua mão em duas taboas de pedras duas vezes.

 

Parte de segunda feira.  Permanência dos dons espirituais.

É preciso observar que Ef. 4:11-13 não diz que os dons espirituais estariam na igreja até que se completasse o Cânon bíblico, mas sim, até que todos cheguemos a unidade da fé e a estatura completa de Cristo Jesus e, isso não ocorreu ainda, portanto, ainda devem permanecer na igreja os dons espirituais, e, eles não continuaram em evidência durante estes séculos e milênios, porque a igreja não preencheu as devidas condições produzindo todos os frutos do Espírito Santo e, não porque haja alguma limitação da parte de Deus a este respeito. Peçamos ao Espírito Santo que Ele opere em nós para que possamos produzir todos os Seus frutos para que possamos, também, sermos cheios até transbordar em dons espirituais sobre-naturais e especiais, para que o mundo possa ser iluminado pela glória do Evangelho. Amém!

Apc. 12:17 – O testemunho de Jesus. É preciso não esquecer que o Testemunho de Jesus mencionado neste verso, não pode ser limitado aos escritos de um profeta em particular em qualquer das épocas e, naturalmente também, aos escritos da nossa irmã Ellen White. Este testemunho de Jesus sempre esteve na igreja em todas as épocas, representado pelas Escrituras dos santos profetas desde Moisés, quando esta Bíblia fala da Lei de do Testemunho em Isa. 8:20, está focalizando toda a Escritura Sagrada produzida pele Espírito de Profecia, e, naturalmente, também, as revelações adicionais que por ventura viesse a existir na história da igreja. Limitar o Testemunho de Jesus aos escritos da irmã White, é um erro fatal; estes escritos nem mesmo teriam existido se a humanidade tivesse estudado a Bíblia como deveria ter sido estudada.

 

Parte de terça feira. Dons falsos.

É preciso  que se diga que os magos do Egito, da época de Moisés, não transformaram as suas varas em serpentes, eles como os de hoje, trabalharam com o processo ilusionismo ou hipnotismo; transportar algumas rãs do Nilo até o palácio de Faraó não era tão difícil para eles dotados de poderes sobre-naturais, mas criar a vida a partir de uma vara, somente Deus pode fazer tal, haja vista que a serpente de Moisés devorou a serpente ilusionista dos magos. Agora, nos últimos dias, muitas mentes serão fatalmente hipnotizadas e a humanidade verá aparentemente coisas que nunca imaginaram pudessem Ver e crerão na mentira porque nunca procuraram se firmar na verdade e receber o amor desta para a sua salvação.

 

Parte de quarta feira. O dom de profecia.

Pergs. 04 e 05 – Veja comentário anterior sobre este assunto. O verso 17 de At. 16, nos informa que aquela garota dava testemunho favorável a respeito dos apóstolos de Cristo durante muitos dias, mas Paulo repreendeu o espírito proibindo-o de continuar “aprovando” o trabalho dos missionários de Cristo; a pergunta que deve ser feita é: por que foi repreendido se estava falando a verdade e exaltando a obra de Deus? A resposta é: Porque Deus não trabalha em parceria com os Seus inimigos, o ecumenismo não está nos planos de Deus, o Seu povo deve ser um povo peculiar e separado e sem vínculo com o erro, este foi o motivo pelo qual Paulo repreendeu aquele espírito.

Em se tratando dos dons espirituais, não existe essa de primeiro ou segundo lugar no sentido de importância ou de valor, todos são igualmente importantes, no verdadeiro sentido da palavra importante; dependendo das circunstâncias, aquele dom que pode ser considerado menos importante, é o mais importante, se é que se pode dizer isso.

 

Parte de quinta feira.  Dons espirituais e I Corintios  14.

O que Paulo estava querendo ensinar aos Corintios sobre o verdadeiro dom de línguas, é uma coisa, o que estava havendo no geral, em Corinto, é outra coisa. O verdadeiro dom de línguas, segundo Atos 2, possivelmente estava operando em Corinto, mas isso não significa que o falso já naquele tempo, não estava operando por lá também.

Farei um estudo mais pormenorizado sobre I Cor. 14, no seguinte comentário da lição que vem.

Verso para memorizar: Note: o Mesmo Deus, o Mesmo Senhor e o Mesmo Espírito Santo, operando na igreja com os Seus diversos dons, serviços e realizações, assim é que não devemos aceitar que todas as igrejas que afirmam possuírem os dons especiais e sobre-naturais espirituais, em sua plenitude, que, ao mesmo tempo, ensinam doutrinas contraditórias entre si, que estas estejam sendo dirigidas por um Mesmo Espírito, O Espírito Santo estaria dividido contra Si Mesmo ?!?

Oremos para que muito em breve possamos testemunhar de uma igreja repleta de toda a plenitude do Espírito Santo e que, como conseqüência, possamos ser esta igreja, composta de todos os dons espirituais e sobre-naturais e assim como todos os talentos naturais, a serviço do Mestre Jesus Cristo, terminando a obra do evangelismo mundial e prontos para ir com Ele para as Mansões Eternas na Cidade Eterna. Amém

 


Por Gilson Nery B. Costa. Espírito Santo do Pinhal.

E-mail gilnery@uol.com.br Tel.19-3651-1987.

Estado de S. Paulo.Brasil.

Classe Universitários

www.oestadio.com/escola.shtml

El Profesor Gilson Nery, ha autorizado al Doctor Martínez a traducir y/o publicar sus comentarios semanales de la escuela sabática

 


 

[Acerca de Nosotros]  [Centro Internacional de la Escuela Sabática]  [Ministerios de Iglesia][Ministerio de la Salud] [Ministerio de la Palabra]  [Ministerio Profético] [ Ministerios Apologético] [Ministerios de Música]  [Ministerios Audio-Visual [Centro White MPM]  [Centro de investigación]  [Centro de Noticias MPM] [Historia IASD]  [Iglesias ASD en la Red]  [Escríbenos]  [Conozca a Marissa]  [Conozca al Dr. Martínez]  [Foto-Album  Familia Martínez [Home]

 

Usted es el Visitante FastCounter by LinkExchange